domingo, 14 de outubro de 2018

BAIXA UMIDADE DO AR UM PERIGO PARA OS ADEPTOS DO MOUNTAIN BIKE

Resultado de imagem para ciclista passando mal por causa de calor
Fonte Imagens do Google

Alô meu amigo ciclistas, e ai tudo bem? Se você costuma pedalar diariamente para ir ao trabalho ou costuma pedalar nos finais de semana nos parques e praças com seus filhos e familiares já notou que ultimamente isso tem se tornado um pouco mais complicado devido as altas temperaturas e principalmente a baixa umidade do ar ou simplesmente como se diz no popular, graças ao tempo seco, mas se você é adepto do Mountain Bike ai a coisa fica mais complicada.
A pratica de atividade física em períodos de tempo seco deve ser realizada com bastante cuidado porque se não se tomar os cuidados necessários o que normalmente faz bem a nossa saúde pode se tornar um problema, por isso se você gosta e pratica algum esporte radical como é o caso do Mountain Bike fique bem atento ao nível de umidade do ar, se hidrate bastante e redobre os cuidados com tudo o mais (grau de dificuldade do roteiro, escolha de roteiros com alguma sombra, não forçar a barra tentando superar os seus limites, etc). Em tempos de baixa umidade e de altas temperaturas não devemos nos esforçar além do nosso limite sob o risco de virmos a ter um AVC, é isso mesmo neste período de tempo seco o risco de se ter um AVC durante uma prática de alguma atividade física é grande, portanto vamos pedalar com responsabilidade. 
Pensando em ajudar você a fazer a coisa certa segue o texto baixo, o mesmo é muito bom que usa uma linguagem simples e que vai ajudar não só a você que pedala, mas a qualquer pessoa que pratique alguma atividade física e só reforçando a importância da hidratação para todos, mas principalmente para quem vai se aventurar no Mountain Bike. E desde de já fica a dica. Se durante um pedal seja ele um deslocamento para o trabalho, um passeio de final de semana e principalmente uma trilha, prova ou competição, pare e procure ajuda de imediato, não force a barra, isso pode ser fatal. 
O nível de umidade relativa do ar considerado adequado para a saúde humana por especialistas varia entre 40% e 60%, mas no inverno do hemisfério sul a umidade do ar facilmente fica abaixo de 20%. O tempo seco também pode ser um problema no verão, especialmente em locais mais secos, afastados da costa ou em grandes cidades, onde a poluição do ar agrava a probabilidade do tempo seco provocar sintomas de diversas doenças, em especial as respiratórias.

Problemas causados pela baixa umidade do ar

A baixa umidade relativa do ar tem várias consequências, entre elas o possível surgimento de problemas causados pelo tempo seco. Os principais sintomas sentidos quando a umidade do ar cai são:
  • Rinite
  • Asma
  • Outros problemas respiratórios
  • Irritação nos olhos
  • Irritação no nariz
  • Garganta seca e sensível
  • Ressecamento da pele
  • Problemas cardíacos
  • Aumento nos casos de acidentes vasculares cerebrais
Segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia, o sangue fica mais denso com a baixa umidade do ar, facilitando um possível "entupimento" dos vasos sanguíneos. Além dos problemas de saúde, há transtornos domésticos: a poeira se acumula muito mais rápido e móveis e pisos de madeira ficam mais desgastados, com rachaduras.
IMPORTANTE
Além de tudo que foi exposto aqui é de suma importância que quem pratique esportes radicais como trilhas de bicicleta, de moto ou a pé, acampamento, etc redobre os cuidados ao fazer fogueiras e para aqueles que fumam nunca jogar o bituca ou o que sobrou do cigarro ainda acesso as margens das vias ou nos caminhos porque com a baixa umidade do ar e as altas temperaturas o risco de incêndio é grande. 
Aqui na cidade de Belo Jardim no último dia 11 deste mês de outubro tivemos um exemplo de como isso acontece sem ninguém esperar, graças a Deus o vento estava pouco e a vegetação era rasteira o que acabou fazendo que este incêndio não se propagasse para muito longe e ajudou a diminuir os estragos causados. Segue abaixo algumas fotos deste incêndio registrado por mim GB Ciclo Aventura em nome dos Amigos do Pedal, e mais uma vez quero aqui reforçar que devemos redobrar os cuidados em todos os sentidos neste período, afinal de contas ninguém quer ser responsável ou ter dado início a um incêndio e muito menos ser uma vítima. O incêndio abaixo registrado aconteceu na serra localizada ao lado da Barragem do Bitury e bem próximo do perímetro urbano e poderia ter causado muita desgraça, mas desta vez foi só um suto, mas fica a lição para todos nós.
  
 

Por: Geovane Bezerra