quarta-feira, 27 de julho de 2016

SAIBA COMO MANTER O PRAZER DE PEDALAR MESMO NO INVERNO

Normalmente quando gostamos de pedalar desejamos que chegue logo o inverno para pedalarmos com um pouco mais de conforto tendo em vista que sentimos uma diminuição no desgaste físico, mesmo que isso não seja real. Mas ao mesmo tempo que desejamos que chegue o período frio quando o mesmo chega muitas vezes ele chega com temperaturas bem baixas e ai a preguiça chega junto e fica difícil deixar o conforto das nossas casas para pedalar. Nesta postagens vocês poderão conferir o que cada um de nós pode fazer para manter acesa a chama de pedalar e ainda como fazer isso sem prejudicar a sua saúde. Os méritos pelo texto a seguir devem ser dados aos seus autores que não fazem parte deste blog ou dos Amigos do Pedal. Vale registrar que o nosso objetivo em transcrever este texto é simplesmente o de manter os ciclistas do nosso grupo e também demais interessados bem informados, mas deixando bem claro que o mérito deve ser atribuído a quem lhe for de direito.

  

Para quem está acostumado a andar de bicicleta diariamente ou mesmo para os esportistas de final de semana, é preciso ter muito cuidado com as oscilações de temperatura na hora de sair por aí pedalando. Especialmente nessa época do ano, com a chegada do inverno, é necessário tomar alguns cuidados.

É recomendável se vestir em camadas, como uma cebola, pois quando iniciamos o exercício a sensação de frio é maior e, com a frequência da pedalada, o calor aumenta e as peças podem ser removidas aos poucos.
Então, o bacana é vestir uma primeira pele que absorve e expele o suor, como as dry fit, um agasalho leve, um moletom meio termo e um colete – para proteger a região respiratória – e, para frios mais intensos, pode-se até usar um gorro.
Evitar a famosa combinação de camisa de algodão e moletom é o ideal, já que a dupla demora para absorver o suor e, com o contato direto com a pele, pode causar resfriados e micoses.
Outra dica importante é o aquecimento. Iniciar com pedaladas mais tranquilas, utilizando uma marcha bem leve, por cinco a dez minutos, e depois, repetir o mesmo processo no final para ir “desacelerando” o organismo.
Em relação à alimentação, se o tempo for superior a uma hora, deve ser feito um reforço de carboidratos – cerca de 1/3 a mais do que se costuma comer -, pois em épocas frias, o organismo já gasta naturalmente mais energia para manter a temperatura corporal, necessitando um “extra” de energia para o esforço físico.
Para manter o corpo sempre hidratado, o ideal é dar um gole generoso de água a cada 30 minutos – mesmo sem vontade de beber. O bacana é não perder a oportunidade e o ânimo de pedalar nos dias frios.
A dica foi do Renato Amaral @ammaral


VENHA PEDALAR COM OS AMIGOS DO PEDAL
Você é o Nosso Convidado Especial

Hoje a noite tem passeio ciclístico pelas ruas e avenidas da nossa cidade e você está convidado a se juntar aos nossos ciclistas neste pedal onde a descontração é a palavra chave. Venha se aquecer pedalando ao lado de boa companhia. 








Para quem gosta de uma boa dose de aventura nada melhor do que pedalar a noite pela zona rural do nosso município e para isto estamos lhe convidando a participar deste pedal. O destino será decidido no ponto de encontro de acordo com a vontade da maioria, mas atenção pedalar a noite pela zona rural requer alguns cuidados que os iniciantes precisam ficar bem atentos, por isso este tipo de pedal não é recomendado para iniciantes, mas dependendo do destino e do traçado nada impede do iniciante participar. 



Para quem não trabalhar no dia de sábado e deseja sair da rotina sinta-se desde já convidado a participar deste pedal, mas deixo aqui um alerta a todos. Boa parte deste pedal será realizado pela rodovia PE 166 que liga Belo Jardim a Serra dos Ventos e devido as péssimas condições em que a mesma se encontra e ao grande tráfego de veículos é necessário cuidado redobrado para que ninguém venha a sofrer algum tipo de incidente ou mesmo acidente.




Este convite é dirigido a você que já é praticante do Mountain Bike e que se encontre em plena atividade e em bom estado físico e gozando de boa saúde porque apesar deste não ser um pedal longo o mesmo tem uma boa sequência de ladeiras longas e íngremes com trechos técnicos e por isso não aceitamos a participação de iniciantes, ao fazer isto não estamos aqui discriminando ninguém e sim visado o conforto e a segurança de cada um e zelando pelo nome do grupo. Lembando que este será o último pedal deste mês, fechando com chave de ouro.


 

ACOMPANHE OS AMIGOS DO PEDAL TAMBÉM NO FACEBOOK
Clicando neste link vocês terão acesso direto ao nosso grupo no face e lá poderão conferir todas as fotos que foram tiradas nos nossos pedais do dia a dia. Clique e confiram porque vale a pena.

Por: Geovane Bezerra