quinta-feira, 25 de abril de 2019

BASTA DE MORTES NO TRÂNSITO

Fonte: Imagens do Google

A cada ano o número de ciclistas que perdem a vida ou ficam presos a uma cadeira de rodas para o resto da vida cresce aqui no Estado de Pernambuco e a nossa capital figura dentre as quatro cidades onde morrem mais ciclistas no trânsito a nível de Brasil. 
É de conhecimento público que os órgãos responsáveis pelo controle e fiscalização do trânsito tem feito a sua parte promovendo campanhas educativas, blitz, melhorando a sinalização e as vias, mas nada disso tem surtido o efeito desejado e a cada ano os acidentes envolvendo ciclistas se tornam cada vez mais comuns e mais graves e tendo em vista este fato um grande número de ciclistas se reuniram no dia 13/01/2019 no Marco Zero para protestar contra a falta de segurança no trânsito e pedir providências e punições para os infratores.
Para saber mais detalhes sobre este tema, clique no link abaixo para conferir esta ótima matéria publicada no Jornal Diário de Pernambuco recentemente. https://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/vida-urbana/2019/01/13/interna_vidaurbana,773578/ciclistas-realizam-protesto-contra-mortes-nas-estradas-de-pernambuco.shtml 

Fonte: Imagens do Google

Ao produzir esta matéria procuramos realizar algumas pesquisas para embasar melhor a nossa crítica, mas infelizmente os números encontrados não nos remetem a uma realidade confiável, então vamos nos valer apenas do que conseguimos captar, mas fica uma certeza, a de que algo tem de ser feito urgentemente para mudar esta trista realidade já que a cada dia a bicicleta vem sendo utilizada como meio de transporte por centenas de pessoas não só no Recife, mas em toda a \Região Metropolitana e também no interior e com isso é necessário que as autoridades passem a olhar o ciclista com outros olhos. Segue abaixo um mapa estatístico um tanto quanto devassado, mas que mostra a dura realidade que os usuários de bicicleta enfrentam aqui em nosso estado.

Fonte: Imagens do Google 

ESTATÍSTICAS DA VIOLÊNCIA 
Os números da violência no trânsito do Recife são estarrecedores. A situação é ainda mais preocupantes pela falta de dados confiáveis. Neste site, utilizamos duas fontes de dados oficiais, porém ambos incompletos: da prefeitura da Cidade do Recife, através da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) e do Datasus, sistema do Ministério da Saúde.
Os dados da CTTU correspondem apenas às mortes por colisões e atropelamentos registrados por seus agentes, excluindo-se as ocorrências de trânsito registradas pelo Corpo de Bombeiros ou pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Já os dados fornecidos pelo Datasus, com dois anos de defesagem, têm origem nas informações dos hospitais do Sitema Único de Saúde (SUS), mas não fornecem filtros que permitam isolar as informações de mortos e feridos graves no trânsito do Recife, dando apenas um panorama geral das vítimas socorridas nos hospitais da cidade do Recife.
Estamos enfrentando um grave problema de saúde pública – considerado uma epidemia -, com uma incerteza que nos leva a crer em números bem piores, dado a quantidade sempre crescente de veículos nas ruas, ao mesmo tempo em que há poucas mudanças na infraestrutura da cidade. É extremamente necessário que os dados municipais estejam disponíveis ano a ano e de maneira qualificada. Para entender o problema e melhor combatê-lo é preciso saber, além da quantidade de mortes, em que modal essas pessoas morreram, onde e em que circunstâncias ocorreram as mortes.

CADA UM TEM DE FAZER A SUA PARTE
É claro que devemos cobrar das autoridades punição para os culpados e soluções para melhorar o relacionamento entre ciclistas e demais usuários das vias, mas é mais que necessário que cada um faça a sua parte; de nada vai adiantar educar os motoristas, motociclistas e pedestres se eu na qualidade de ciclista não fizer a minha parte, não respeitar as leis de trânsito e aqueles que assim como eu fazem uso das vias públicas, então em nome do bem maior fica aqui um apelo deste blog e do Grupo de Ciclismo Amigos do Pedal aqui da cidade de Belo Jardim a todos que fazem uso da bicicleta como ,meio de transporte ou para lazer. Por favor pensem na sua segurança e na de quem está ao seu redro e pedale com respeito e assim todos saem ganhando. Basta de Mortes no Trânsito.

Por: Geovane Bezerra